Grande Ano para o Fantástico em Português

0
192

Luis Filipe SilvaÉ pelo menos o que Luis Filipe Silva, afamado autor português de ficção científica, espera de 2008, um ano que vê retomar a tradição instaurada pela Editorial Caminho nos anos 80 e 90 na atribuição de um prémio nacional a obras originais do género fantástico em língua portuguesa, e que tanta falta tem feito para o incentivo ao surgimento de novos autores – o Prémio Bang! para Literatura Fantástica, anunciado pela Saída de Emergência.

Dando primazia ao romance, mas também aceitando livros de contos, este prémio atribui 1500 euros ao vencedor, bem como a oportunidade de publicar numa editora que se tem destacado pela aposta forte no género. Principais informações a reter em conta: o tamanho mínimo é de 45.000 palavras (sensivelmente 160 páginas A4 no formato indicado pelo regulamento) e a data limite 31 de Julho de 2008.

Entretanto, anuncia-se também, pela mesma editora, a abertura de dois outros concursos, desta feita para conto ou noveleta: um subordinado ao tema «Ficções pulp à portuguesa», e outro ao tema «doenças estranhas imaginárias», cujos regulamentos serão dados a conhecer no início de Janeiro. Estes novos espaços de publicação, bem como aquele que se anunciará em breve marcam um novo dinamismo na ficção em língua portuguesa, que é de louvar.